Monverde recebe ministro do Ambiente em jornadas sobre economia circular

Monverde recebe ministro do Ambiente em jornadas sobre economia circular

O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, visitou recentemente o Monverde Wine Experience Hotel no âmbito de um périplo por empresas que incorporam componentes da economia circular nos seus modelos de negócio.

Com a assinatura do arquiteto Fernando Coelho e do designer Paulo Lobo, o Monverde Wine Experience Hotel foi pensado e construído para ser ecológico, sendo que 40% do seu investimento é de origem sustentável. Identificado como o primeiro hotel na Rota dos Vinhos Verdes, este projeto destaca-se, sobretudo, porque 85% da pedra usada na atual construção provém dos muros e casas antigas da propriedade. Além disso, recorreu, nos interiores e exteriores, a tintas de reduzido impacto ambiental, a painéis solares para garantir o aproveitamento de energias renováveis e a um sistema de reaproveitamento de águas com vista à rega da vinha e dos jardins.

“É uma honra receber esta visita em reconhecimento da unidade cuja conceção procurou utilizar menos recursos e mais matérias reutilizadas ou recicladas, estimulando a criação de valor duma forma sustentável, inclusiva e criativa”, afirma Miguel Ribeiro, diretor do Monverde Wine Experience Hotel, citado em comunicado de imprensa.

Inaugurado em maio de 2015, o Monverde Wine Experience Hotel foi reconhecido com cinco prémios em 2016 e dois já em 2017. Reconhecido com o selo ecológico, o Monverde Wine Experience Hotel dispõe de 29 quartos e um apartamento, distribuídos pela propriedade em três estruturas distintas.

Propriedade da “Quinta da Lixa”, uma das maiores produtoras de Vinhos Verdes do país, o hotel insere-se ainda numa área de 30 hectares, 22 dos quais vinha, onde predominam as castas Avesso, Touriga Nacional, Vinhão, Arinto e Loureiro.