Accor vai plantar dez milhões de árvores até 2021

Categoria Ambiente, Florestas

A Accor pretende intensificar o seu programa Plant for the Planet e assina hoje, durante a sua assembleia-geral, a Resolução da Árvore, na qual se compromete a plantar dez milhões de árvores até 2021. No âmbito do “Planet 21 Day”, evento mundial de mobilização dos colaboradores Accor em prol do desenvolvimento sustentável, o Grupo divulgou ainda uma retrospectiva do ano 2014, em que anuncia algumas das suas realizações e avanços em termos ambientais e sociais. Exemplo disto é a redução de 5,6% no consumo de água desde 2011, de 4,5% de consumo de energia e 3,8% de emissões de CO2 desde 2011. Além disto, a percentagem de hotéis do grupo que reciclam os seus resíduos já atinge os 90% e em sete anos foram plantadas quatro milhões de árvores O polo de gestão dos activos imobiliários do Grupo, Hotelinvest, reforçou, em 2014, o seu compromisso a favor da construção sustentável, ao escolher a certificação sistemática segundo os standards de performance ambiental e energético (Leed, Breeam, HQE) dos hotéis filiais construídos a partir de 2015. Actualmente, onze edifícios estão certificados em cinco países, como por exemplo o Mercure Kraków City Center, primeiro edifício certificado BREEAM na Polónia, que será inaugurado em finais de 2016. Cerca de 300 hotéis do Grupo utilizam energias renováveis. Mais recentemente ainda, o complexo hoteleiro do Olympic Park de Sidney foi equipado com sistemas de produção de eletricidade e de aquecimento de água a partir de energia solar (painéis térmicos, fotovoltaicos e captores solares). Em Portugal, além das acções de sensibilização nos hotéis, a Accor lançou um desafio aos seus colaboradores para diminuir a quantidade de resíduos produzida e aumentar a reciclagem na sede da multinacional em Lisboa. As prioridades em 2015 prendem-se com a implementação da Carta Ética e o aumento da redução dos consumos de água e energia. “Num contexto de reorganização do Grupo, de uma forma geral, registámos resultados crescentes em 2014; e o nível de progresso do conjunto dos compromissos assumidos no âmbito do programa PLANET 21 é animador para 2015. No ano passado, destaco ainda a criação de um Comité Ético e RSA e a implementação da nossa Carta Ética e RSA, a fim de supervisionar e reforçar o nosso projeto de responsabilidade, tanto em matéria de ética, de gestão, de integridade e respeito pelas leis assim como de responsabilidade social, empresarial e ambiental”, explicou Arnaud Herrmann, Sustainable Development Director da Accor.