Água é mais cara para famílias alargadas

Categoria Águas, Ambiente

O preço de um copo de água não é igual em todas as casas, mesmo que sejam vizinhas ou estejam no mesmo concelho. Na generalidade do país, as famílias alargadas pagam mais “per capita” do que um morador sozinho, noticia o Jornal de Notícias.

Há muitas situações em que o preço de água por pessoa corresponde ao dobro ou ao triplo na comparação com quem vive isolado. Também há casos extremos em que a diferença chega a ser de 15 vezes mais.

A maioria dos tarifários específicos para agregados numerosos, existente em apenas 45% dos 308 municípios do país, suaviza o golpe, mas não resolve a discriminação negativa.

As conclusões constam de um estudo da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN), apresentado hoje em Lisboa. “As famílias maiores consomem mais água e são confundidas como gastadoras, pagando por litro de água mais do que uma pessoa sozinha”, explicou Francisco Vilhena da Cunha, responsável científico da análise às tarifas dos 308 municípios.

O preço da água é fixado por escalões, com valores progressivamente mais elevados em função do consumo.