Alterações climáticas reduzem capacidade de trabalho em 20% e afetam o PIB

Alterações climáticas reduzem capacidade de trabalho em 20% e afetam o PIB

Um estudo patrocinado pela Universidade das Nações Unidas demonstra que o aquecimento global provocou uma perda entre 15% e 20% de horas de trabalho, revela o Económico. Segundo o ‘site’ do jornal espanhol ‘Expansión’, esse estudo prevê que a perda de horas de trabalho duplique em 2030.

O estudo patrocinado pela Universidade das Nações Unidas concluiu que existem efeitos demolidores na forma como as alterações climáticas afectam a capacidade laboral dos trabalhadores. De acordo com o ‘Expansión’, esse mesmo estudo faz uma estimativa de que o impacto geral das alterações climáticas provocaria uma quebra de até 6% no PIB de Espanha.

Essa estimativa foi efetuada para 43 países, não se sabendo neste momento se Portugal foi incluído nesse estudo.