Alunas Portuguesas premiadas na MOSTRATEC

Alunas Portuguesas premiadas na MOSTRATEC

Categoria Advisor, Investigação

O projeto ‘Sistema Activo de Bio Controlo e Eliminação da Vespa Velutina’, desenvolvido por Francisca Ribeiro da Costa e Milena Pereira, ambas alunas do Agrupamento de Escolas D. Maria II, de Braga, venceu uma menção honrosa durante a Mostratec – Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia que se realizou de 24 a 28 de outubro, em Novo Hamburgo, no Brasil.

Este projeto destacou-se na 10.ª Mostra Nacional de Ciência, promovida pela Fundação da Juventude, no passado mês de maio. O projeto nacional “criou um inovador e eficaz sistema de captura e eliminação das vespas velutinas, de forma a impedir a propagação da espécie e controlar os desequilíbrios que provocam no ecossistema”.  A representar Portugal na área das Ciências Ambientais, foi um dos que se destacou entre os representantes internacionais por entre os 21 países presentes.

De acordo com as jovens investigadoras “foi uma enorme honra e um grande orgulho levar ao palco, numa sala com cerca de 2000 pessoas, a bandeira de Portugal e foi sobretudo uma experiência de partilha inesquecível com os restantes alunos presentes, nesta que é uma das maiores feiras mundiais. Aproveitamos para agradecer a todos os professores, em particular ao João Vieira e José Sousa, o apoio prestado durante a execução do trabalho e ainda à direção do Agrupamento D. Maria II – Braga por ter colocado os meios à nossa disposição que nos permitiram estar aqui”.

Para João Vieira, professor orientador do projeto, “foi um orgulho acompanhar as alunas e viver esta experiência que me permitiu, também, o contacto com professores de muitas partes do mundo. Foi, ao mesmo tempo, uma enorme oportunidade para perceber a Ciência o que se faz nas escolas dos vários países representados”.

Ricardo Carvalho, presidente Executivo da Fundação da Juventude sublinhou que se tratou “de mais um reconhecimento para Portugal e para a Educação em Ciência que se faz no nosso país. Ao mesmo tempo, demonstra que o trabalho que a Fundação da Juventude tem vindo a fazer na promoção de áreas relacionadas com I&D e da ciência em contexto escolar, tem tido o reconhecimento internacional. Este investimento, feito pela Fundação, reflete-se no crescente número de jovens que, anualmente, participam no Concurso de Jovens Cientistas e Investigadores e que de seguida são selecionados para representar o nosso país nos mais prestigiados certames Internacionais, onde Portugal se começa a destacar, como foi este ano o caso da MOSTRATEC no Rio Grande do Sul – Brasil”.

A MOSTRATEC é a maior Feira de Ciências da América Latina, que este ano reuniu cerca de 900 projetos dos quais 650 referentes ao ensino básico e secundário.