Andar de autocarro e metro vai custar o mesmo em 2016

Andar de autocarro e metro vai custar o mesmo em 2016

Categoria Ambiente, Energia

Pelo segundo ano consecutivo, as tarifas dos transportes públicos em Lisboa e no Porto vão manter-se inalteradas. A decisão não será alheia à evolução dos preços do petróleo, que levou o ministério do Ambiente, responsável pela tutela da Carris, metros de Lisboa e Porto, STCP e Transtejo/Soflusa, a quebrar a regra que prevê que os preços sejam atualizados de acordo com a evolução da inflação, avança o Diário Económico.

A resolução de manter o mesmo valor das tarifas acontece depois de um período marcado por fortes aumentos. Só em agosto de 2011, poucos meses depois de tomar posse, o executivo de Pedro Passos Coelho avançou com um aumento extraordinário de preços de 15%, medida que fazia parte da estratégia do anterior Governo para equilibrar as contas das empresas públicas de transportes. No ano seguinte, verificou-se uma subida de 5%, com o nível de aumentos a abrandar nos anos seguintes: 0,9% em 2013 e 1% em 2014.