Aniversário Ambiente Magazine: “Para quando a sustentabilidade”?

Aniversário Ambiente Magazine: “Para quando a sustentabilidade”?

No 28º aniversário da Ambiente Magazine, assinalado em dezembro de 2021, lançamos um desafio ao setor do ambiente. Designado por “Passa-a-Palavra”, este desafio começou com Lee Hodder (Galp), José Furtado (Águas de Portugal) e Ana Isabel Trigo Morais (Sociedade Ponto Verde), onde cada um teve de responder à pergunta -“Para quando a sustentabilidade?” – e, ao mesmo tempo, lançarem o mesmo desafio a outras personalidades, e assim sucessivamente. Nesta edição número 92, que corresponde à segunda parte do trabalho (primeira foi publicada na edição 91), partilhamos os testemunhos da área das Águas.
Na próxima edição serão disponibilizados os testemunhos da área da Energia.

Hoje, partilhamos o testemunho de António Ventura (SIMARSUL), desafiado por Francisco Narciso (Águas Públicas do Alentejo).

PARA QUANDO A SUSTENTABILIDADE?

A Emergência Climática alterou a visão de desenvolvimento sustentável enquanto mera gestão de necessidades para que no presente não se comprometam as necessidades de gerações futuras.

Para uma nova estratégia na gestão dos recursos assente na neutralidade carbónica, como garante da vida e do futuro do planeta, urge uma resposta de todos os intervenientes da sociedade, assente num compromisso transversal, interdisciplinar e em simbiose não só nas vertentes ambiental, económica e tecnológica mas também na Social tendo os 17 objetivos de desenvolvimento sustentável como alvo.

As empresas da fileira do ambiente na área do saneamento já tratam hoje o futuro, ao protegerem o ambiente e a saúde pública e ao adicionarem valor ao tratamento da água residual, como atividade geradora de recursos.

Quando este caminho for feito em convergência por todos, nas diversas áreas de atuação e comungando do mesmo propósito, estaremos mais próximos da sustentabilidade e de um novo modelo de sociedade.

Cristiana Macedo