Aniversário Ambiente Magazine: “Para quando a sustentabilidade?”

Aniversário Ambiente Magazine: “Para quando a sustentabilidade?”

Os 28 anos da Ambiente Magazine foram assinalados em dezembro de 2021 e, nesse mês, lançamos um desafio ao setor do ambiente. Designado por “Passa-a-Palavra”, este desafio começou com Lee Hodder (Galp), José Furtado (Águas de Portugal) e Ana Isabel Trigo Morais (Sociedade Ponto Verde), onde cada um teve de responder à pergunta -“Para quando a sustentabilidade?” – e, ao mesmo tempo, lançarem o mesmo desafio a outras personalidades, e assim sucessivamente. Nesta edição número 93, que corresponde à terceira – e última – parte do trabalho, partilhamos os testemunhos da área da Energia.

Hoje, partilhamos o testemunho de Lee Hodder (Galp).

Para quando a sustentabilidade?

“Existem um momentum que está claramente a ganhar força para enfrentar as alterações climáticas e para satisfazer as expectativas da sociedade rumo a um futuro sustentável. A Transição Energética é fundamental para que esse futuro se concretize e temos o dever de assegurar que essa transição ocorra de forma justa, para que ninguém fique para trás.  

Em matéria de descarbonização, o mundo e a nossa indústria ainda têm muito trabalho pela frente para atingir os – e ir além dos – compromissos do Acordo de Paris. Sabemos que é possível conseguir reduções substanciais, mas não devemos pensar que isso é um dado adquirido: todos teremos de continuar empenhados em inovar e implementar a tecnologia que pode fazer a diferença. Isso implica também que Governos, Empresas e Sociedade se movam como um só, para que os compromissos globais, tais como os discutidos na COP26, nos permitam avançar numa direção comum. 

O nosso objetivo na Galp é claro: continuar a crescer e descarbonizar com soluções inovadoras de energia limpa, estabelecendo uma base sólida para um futuro sustentável a longo prazo”. 

 

Cristiana Macedo