Aprovada candidatura de mais de 2 milhões e 700 mil euros para saneamento no Barreiro

Aprovada candidatura de mais de 2 milhões e 700 mil euros para saneamento no Barreiro

Categoria Águas, Ambiente

No dia em que se comemoraram os 80 anos do abastecimento público de água no Barreiro, no dia 7 de abril, a Câmara Municipal recebeu a notícia da aprovação da candidatura a fundos comunitários, no valor de dois milhões e 725 mil euros, referente à “Extensão do Serviço de Águas Residuais, no Subsistema da ETAR Barreiro/Moita, no Município do Barreiro”.

Esta candidatura prevê um conjunto de intervenções distribuídas por diversas zonas abrangidas pelo subsistema: a drenagem doméstica da Rua dos Operários, Rua da Telha, Bairro da Quinta das Canas, Praceta Sete Portais, Rua Monteiro Vinhais, Rua Particular António Pinto da Silva, Rua Gago Coutinho, Quinta Francisco Rodrigues, Rua da Machada, Bairro da Liberdade, Fonte do Feto e Quinta dos Carvalhos e estação elevatória do Bairro da Liberdade.

Em nota de imprensa, a autarquia afirma que as intervenções têm como objetivo aumentar a acessibilidade física ao sistema de drenagem de águas residuais, prevendo-se a expansão de redes de coletores do sistema em baixa em zonas que, atualmente, não possuem redes de recolha de águas residuais domésticas.

Na opinião da vereadora Sofia Martins, responsável pelo Departamento de Águas e Resíduos, citada em comunicado de imprensa, este “é mais um passo relevante num percurso longo de infraestruturação do concelho. Hoje, reconhecemos a importância do saneamento básico no contributo para a qualidade da saúde pública. E o Município do Barreiro, mesmo estando já com 98% de efluentes tratados, continua o seu objetivo de atingir os 100%”.