Araras e Aves de Rapina voltam a sobrevoar o Zoo Santo Inácio

Araras e Aves de Rapina voltam a sobrevoar o Zoo Santo Inácio

O Zoo Santo Inácio acaba de informar que, a partir do mês de agosto, já é possível testemunhar a Demonstração de Vida Selvagem, onde – entre muitos animais –, se salienta o voo livre das Araras, e observar de perto o comportamento das Aves de Rapina. Estas atividades tinham sido suspensas, devido à pandemia da Covid-19.

Segundo o Zoo, a Demonstração de Vida Selvagem realiza-se todos os dias pelas 11h30, já a Demonstração das Aves de Rapina ocorre diariamente às 16h00.

Com o anúncio da realização destas demonstrações, o Zoo Santo Inácio volta ao seu pleno funcionamento, permitindo que os visitantes usufruam de todas as infraestruturas e atividades habituais. O Túnel dos Leões Asiáticos, uma infraestrutura em vidro que rasga o habitat destes felinos e permite observá-los bem de perto, o Reptilário, que conta com mais de 50 espécies de répteis e anfíbios e a Casa dos Animais Noturnos, na qual se podem observar insetos, aranhas, petauros, entre tantos outros animais.

“Voltar a realizar estas atividades é fulcral para que os nossos visitantes possam compreender o melhor possível, qual o papel de cada animal na natureza e o seu comportamento em ambiente selvagem. No Zoo Santo Inácio fazemos questão de preservar o comportamento instintivo de cada habitante e de o mostrar a todos aqueles que queiram conhecer cada uma das 200 espécies que vivem o parque”, explica Teresa Guedes, diretora do Zoo Santo Inácio.

O Zoo Santo Inácio conta com mais de 15 hectares ao ar livre que podem ser visitados, todos os dias, das 10h00 às 19h00 e estão distribuídos, ao longo de todo o parque, dispensadores de solução hidroalcoólica para desinfeção das mãos e é obrigatório o uso de máscara em todos os espaços fechados.

Este parque solicita que todos os visitantes cumpram as regras de distanciamento social e aconselha o uso de máscara em caso de aglomeração.