Arctic Sunrise vai regressar a Amesterdão

Categoria Home

O navio Arctic Sunrise, da organização ambientalista internacional Greenpeace, retido na Rússia depois de uma acção dos ecologistas numa plataforma da empresa Gazprom, deixou hoje o porto de Murmansk, rumo a Amesterdão.     O apresamento foi levantado a 6 de Junho pelas autoridades russas, tendo sido autorizado a deixar o porto russo após uma inspecção dos serviços alfandegários. o Arctic Sunrise chegará ao porto de Amesterdão em dez dias, onde decorrerá uma cerimónia solene. A organização não-governamental já divulgou também que irá enviar o navio para uma inspecção e reparação completas.