Avança plano para eliminar coelhos bravos e ratos da Berlenga

Avança plano para eliminar coelhos bravos e ratos da Berlenga

A Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA), responsável pelo projeto Life Berlengas, inicia amanhã a remoção do rato preto e do coelho bravo na ilha das Berlengas, Peniche. “O que se pretende é aproximar a Berlenga daquilo que era antes destas espécies. Com esta intervenção, espera-se que haja uma recuperação positiva da flora e da fauna, bem como de todo o ecossistema”, explicou à Lusa Joana Andrade, da SPEA.

Contra a iniciativa está o partido ecologista “Os Verdes” que, em comunicado, adianta que “até à data não há prova científica de que o rato preto e o coelho possam ser realmente considerados espécies invasoras na Berlenga, trazidas pelo Homem”.