Barreiro poupa 4,3 milhões de euros em consumo energético

Barreiro poupa 4,3 milhões de euros em consumo energético

Categoria Ambiente, Energia

A Câmara Municipal do Barreiro decidiu adjudicar a substituição da atual rede de iluminação pública por sistema LED, amigo do ambiente, num investimento privado superior a 3 milhões de euros. Sem encargos financeiros para a autarquia, este investimento “reforça a segurança dos cidadãos e bens, com a instalação de cerca de 11 mil lâmpadas LED”, lê-se na nota à imprensa.

Os trabalhos de substituição vão prolongar-se por três meses e permitirão ao município do Barreiro, nos próximos 12 anos, “uma poupança em consumo energético de mais de 4 milhões de euros”. Uma verba que irá servir para intervir no espaço público.

Para Rui Braga, vereador do Departamento de Planeamento, Gestão Territorial e Equipamentos da Câmara Municipal, foram excedidas as expetativas, tendo em conta que a “empresa que ganhasse este concurso teria de garantir à autarquia, no mínimo, 60% de poupança, assim como 10%, no mínimo, de partilha da mesma. Um dos privados a ir a concurso, e que acabou por ganhar o procedimento, apresentou 69,90% de garantia de consumos de poupança e partilha de lucro, com a autarquia, acima dos 45%”.

Com este novo sistema de iluminação, o Barreiro ficará também equipado com telegestão, permitindo um controlo mais eficiente das falhas de energia no espaço público. A proposta foi aprovada por maioria, com os votos favoráveis do PS e PSD e contra da CDU.

O vereador Rui Braga considera que esta é “uma excelente notícia para o Barreiro, em que o investimento privado permite reforçar a segurança e poupar cerca de 4.3 milhões de euros em consumo energético”, acrescentando que “a adequação às melhores práticas ambientais europeias e a clara melhoria da qualidade de vida são âncoras e mais valias que os barreirenses irão notar em todo o concelho. Vamos reacender muito dos candeeiros públicos apagados por todo o Barreiro”.

Para o vereador da Divisão de Sustentabilidade e Eficiência Energética, Bruno Vitorino, “esta reforma profunda da rede de iluminação pública é fundamental para a cidade, porque permite uma redução muito grande da despesa pública ao mesmo tempo que aumenta a qualidade da iluminação e porque significará um aumento da segurança e do sentimento de segurança no Barreiro, que é para mim um problema central”.

Bruno Vitorino acrescenta que se “trata de uma medida com um impacto inegável ao nível da sustentabilidade, colocando o Barreiro no mapa pelas boas práticas ambientais e que vai permitir a criação de um Fundo de Eficiência Energética Municipal. Ou seja, parte do dinheiro da poupança vai ser reinvestido na aplicação de medidas de eficiência energética nos edifícios da Câmara Municipal e permitir reduzir ainda mais a nossa pegada ecológica e aumentar os níveis de poupança”.