Cabo Verde lança campanha de plantação de oito milhões de árvores até 2030

Cabo Verde lança campanha de plantação de oito milhões de árvores até 2030

Categoria Ambiente, Florestas

O primeiro-ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, lançou hoje uma campanha de plantação de oito milhões de árvores até 2030, um dos compromissos assumidos pelo arquipélago na Cimeira sobre o Clima, que se realizou em Paris. A campanha foi lançada oficialmente na localidade de Serra Malagueta, concelho de Santa Catarina de Santiago, no âmbito das comemorações do Dia do Parque Natural com o mesmo nome da localidade.

Com a plantação das plantas, até 2013, o Governo pretende arborizar 20 mil hectares de terreno em todo o país, à média de 400 árvores por hectare.

“Vamos reforçar e intensificar a plantação de árvores, tanto no meio urbano, onde mais de 65 por cento da população cabo-verdiana reside, como no meio rural”, adiantou o ministro do Ambiente, Antero Veiga, durante uma conferência preparatória da COP21. “Resume-se a cada cabo-verdiano plantar uma árvore por ano”, sublinhou o governante, indicando que outros compromissos assumidos por Cabo Verde são “atingir os 100% de penetração das energias renováveis na rede elétrica e mobilizar 75 milhões de metros cúbicos de água nos próximos 15 anos”.

Uma das medidas aprovadas na Conferência sobre o Clima de Paris é a limitação de uma subida da temperatura em 1,5 graus Celsius, como forma de mitigar os efeitos das alterações climáticas no planeta, que afetam sobretudo os pequenos Estados insulares, como Cabo Verde.