Candidaturas abertas para o Green Alley Award 2022

Candidaturas abertas para o Green Alley Award 2022

Categoria Advisor, Empresas

Já estão abertas as inscrições para o Green Alley Award, o primeiro prémio Europeu para a economia circular, criado em 2014 pelo Grupo Landbell. Os fundadores e as startups são assim convidados a submeter a candidatura em www.green-alley-award.com e as melhores ideias serão selecionadas para um pitch ao vivo, a decorrer em abril de 2022.

O Green Alley Award 2022 é direcionado a startups e jovens empreendedores que desenvolveram um modelo de negócio nas áreas de economia circular digital, reciclagem e prevenção de resíduos. Os patrocinadores deste prémio procuram empresas que estão prestes a lançar os seus produtos ou serviços ou que já se encontram em fase de crescimento. Neste sentido, também serão acolhidas startups que pretendam expandir o seu negócio para outros mercados europeus. A única condição é que a ideia de negócio ajude a reduzir o desperdício ou transforme o desperdício em recursos.

“Queremos incentivar novas ideias e modelos de negócio para economizar recursos e reduzir o desperdício”, afirma Jan Patrick Schulz, CEO do Grupo Landbell, destacando que “o nosso objetivo é fomentar e promover jovens empreendedores e conectá-los à nossa vasta rede de especialistas em economia circular em toda a Europa.”

Processo de candidatura

  • As startups são convidadas a realizar a sua inscrição até 23 de novembro de 2021.
  • Um número pré-selecionado de startups será colocado no site do Green Alley Award para votação do público. A startup com a maioria dos votos ficará automaticamente entre as seis finalistas e as restantes cinco serão selecionadas pelo júri de especialistas.
  • No dia 28 de abril de 2022, os seis finalistas serão convidados a participar em sessões de trabalho em Berlim, onde se encontrarão com especialistas e startups que trabalham em economia circular. No final do dia, cada um dos finalistas terá a oportunidade de apresentar a sua ideia a um júri especializado e um público internacional.
Foto: Facebook do Green Alley Award