“Combina e Move-te!” entre 15 e 30 de setembro no Seixal

“Combina e Move-te!” entre 15 e 30 de setembro no Seixal

“Combina e Move-te!” é o tema deste ano da Semana Europeia da Mobilidade, que se assinala anualmente de 16 a 22 de setembro, e que conta mais uma vez com a participação do município do Seixal na promoção de um debate alargado sobre a necessidade da mudança de comportamentos.

Em 2018, está em destaque o conceito de multimodalidade apresentado no Seixal através de um programa alargado de atividades, com exposições, visitas e passeios, jogos e atividades ao ar livre, bem como ações de formação e apresentações, a decorrerem entre os dias 15 e 30 de setembro.

Em parceria com a Ameseixal a autarquia vai realizar uma Hora do Conto e atividades para as crianças na Biblioteca Municipal do Seixal. No dia 16 o evento (Re)Canto do Tejo, realizado em parceria com a Associação 10 Milhões na Berma da Estrada, vai reunir voluntários para uma ação de limpeza na Baía do Seixal e uma exposição do maior cordão de beatas do mundo.

No âmbito da campanha “Viagens na Minha Terra” da Fertagus, vai ser inaugurado um comboio com decoração alusiva ao concelho, no dia 17 de setembro. Há ainda um passeio pedestre, uma iniciativa de observação noturna de espécies de vertebrados e invertebrados, visitas aos operadores de transportes, o Espaço Mobilidade e a VII Pedalada pela Baía.

Durante as comemorações, vai ser também lançado um inquérito junto dos funcionários das autarquias para avaliar os seus hábitos de mobilidade. Em complemento realizam-se também, nos dias 18 e 19 de setembro, duas ações de sensibilização para o uso do veículo elétrico, procurando promover os benefícios da utilização deste meio de transporte ambientalmente mais sustentável.

A iniciativa celebra este ano a sua 17.ª edição (19.ª do Dia Europeu Sem Carros), e ao longo das várias edições tem vindo a gerar um grande movimento de adesão, não só por parte do público, como através de um número crescente de parceiros que colaboram ativamente com as autarquias envolvidas, alertando para questões como a qualidade do ar e a mobilidade sustentável, com o objetivo de facilitar um debate alargado sobre a necessidade da mudança de comportamentos.

Em 2017, participaram mais de 2526 cidades, sendo que mais de metade das cidades implementou medidas permanentes, convergindo, principalmente, na gestão da mobilidade, nas acessibilidades e no apoio à deslocação em bicicleta e a pé.