Comissão Europeia lança consulta pública a sobre objetivos para restaurar biodiversidade

Comissão Europeia lança consulta pública a sobre objetivos para restaurar biodiversidade

A Comissão Europeia já lançou uma consulta pública sobre o desenvolvimento de objetivos juridicamente vinculativos da União Europeia em matéria de restauração da natureza.

Enquanto elemento fundamental da Estratégia Europeia em matéria de Biodiversidade para 2030 e do Pacto Ecológico Europeu, a “recuperação dos ecossistemas danificados da Europa ajudará a aumentar a biodiversidade, a combater as alterações climáticas”, bem como a “prevenir e reduzir os impactos das catástrofes naturais”, diz a Comissão no boletim informativo divulgado à imprensa. A iniciativa para o desenvolvimento das metas da UE em matéria de restauração da natureza visa igualmente melhorar o “conhecimento” e a “monitorização” dos ecossistemas.

A Comissão Europeia está também a preparar uma “avaliação de impacto” para apoiar o desenvolvimento de metas da UE em matéria de “restauração da natureza” e “avaliar os seus potenciais impactos ambientais, sociais e económicos”, pode ler-se no mesmo boletim

O roteiro para o desenvolvimento das metas da UE em matéria de restauração da natureza identificou opções políticas para os objetivos de recuperação a explorar na avaliação de impacto. Com base na avaliação de impacto e tendo em conta as respostas recebidas na consulta pública, a Comissão apresentará uma proposta de metas juridicamente vinculativas da UE em matéria de restauração da natureza até ao final de 2021.

A consulta permanecerá aberta até dia 5 de abril.  O lançamento da consulta pública surge no dia da Cimeira One Planet, coorganizada pela França, as Nações Unidas e o Banco Mundial, que este ano se centra na biodiversidade.