Ecoibéria refuta culpa ambiental

Ecoibéria refuta culpa ambiental

Categoria Ambiente, Resíduos

A Ecoibéria diz que não é culpada pelo atentado ambiental que destruiu árvores e terrenos agrícolas em Pencelo e Fermentões, Guimarães. Durante duas semanas, água com pó de pedra e terra destruiu a vegetação, terrenos agrícolas e agropecuários. Alguns lesados suspeitam que a origem esteja nas obras da Ecoibéria, mas o povo, a Junta de Freguesia e a própria GNR tem dúvidas, pelo que levantou um auto de ocorrência, refere o Jornal de Notícias.
Agora, a administração da futura fábrica de resíduos Ecoibéria vem garantir que “sempre respeitou as normas legais na preservação do ambiente” pelo que a origem do atentado ambiental “não está nos terrenos da Ecoibéria”. Num comunicado, esclarece que desde que se iniciaram as movimentações de terras na zona, a Ecoibéria tem tido uma “preocupação constante com a limpeza das áreas contingentes ao terreno da qual é proprietária”.