Estados Unidos garantem que não vão sentar-se à mesa das negociações com o Irão para sempre

Estados Unidos garantem que não vão sentar-se à mesa das negociações com o Irão para sempre

O secretário de Estado norte-americano mostrou-se ontem preparado para pôr fim às negociações nucleares com o Irão caso as “decisões difíceis” não fossem tomadas na reunião de ontem que terminou à meia-noite, dava conta hoje o Jornal de Notícias.

John Kerry falava aos jornalistas em Viena, à margem das negociações que continuavam “em aberto” ao cabo de treze dias e dois prazos já ultrapassados. Admitindo “progressos no sentido de um acordo abrangente” para limitar o programa nuclear Iraniano, Kerry garantiu que não forçaria um consenso. “Não nos vamos sentar á mesa das negociações para sempre”, garantiu.