Estão a chegar os camiões inteligentes

Estão a chegar os camiões inteligentes

A Mercedes e outros grandes construtores automóveis mundiais estão numa nova corrida. E tem vindo a marcar as suas próprias etapas. Volta e meia, fazem por surpreender o mercado e apresentam protótipos e desenvolvimentos tecnológicos de novos veículos pesados “inteligentes”. Ou seja, menos poluidores, mais seguros e também mais rentáveis, refere o Negócios.

Há alguns anos que os desafios existem e têm sido levados em linha de conta pelos construtores. Parte fundamental do transporte de cargas portuárias em todo o mundo, as frotas de pesados acabam por contribuir nefastamente para a contaminação poluente que afeta o planeta, os mares e os oceanos.

Mean Green (na foto), da sueca Volvo, Renault Midlum e o The Future Truck 2025 da Mercedes são alguns projetos que estão em desenvolvimento. E no caso da construtora germânica, parte da tecnologia incorporada no protótipo foi otimizada e está já a ser testada na estrada.

Um dos trunfos do The Future Truck da Mercedes, um camião que poderá estar no mercado em 2025, é o sistema Highway Pilot. A avaliar pelo protótipo apresentado há dois anos, o condutor torna-se num gestor do transporte: só precisa de agarrar o volante em situações limite. O processo, apelidado pela marca de “platooning”, permite reduzir o consumo de combustível até 7%, com inevitável abaixamento das emissões de CO2.