Europcar Mobility Group quer que os veículos verdes representem um terço da sua frota global até 2030

Europcar Mobility Group quer que os veículos verdes representem um terço da sua frota global até 2030

Categoria Advisor, Empresas

Até ao fim de 2021, o Europcar Mobility Group pretende que os veículos verdes representem 10% da sua frota global, estabelecendo a meta de alcançar um terço da mesma até 2023. Segundo um comunicado divulgado pelo grupo, estes automóveis vão estar disponíveis nas novas modalidades de aluguer que o grupo tem vindo a apresentar e que refletem as necessidades das empresas ao mesmo tempo que permitem aos negócios testar soluções mais sustentáveis.

Em Portugal, a Europcar prossegue o mesmo caminho e está também a reforçar a sua frota com veículos elétricos, contando atualmente com 82 veículos plug-in e 155 veículos elétricos. “Esta oferta vai estar disponível no Porto (cidade, aeroporto, Maia), Lisboa (Aeroporto, Avenida António Augusto de Aguiar, Rua Rodrigues Sampaio, Rua Castilho e Prior Velho) e Faro (Aeroporto e Montenegro), e a partir de setembro no Funchal/Madeira”, refere um comunicado divulgado pelo grupo.

Inteiramente alimentados por uma fonte de energia elétrica, o Lexus UX300e, Nissan Leaf e o Renault Zoe foram os automóveis 100% elétricos escolhidos para fazer parte desta frota mais amiga do ambiente, pela sua eficiência e zero emissão de gases poluentes. Na categoria de viaturas híbridas plug-in, que dispõem de um motor a combustão e de um motor elétrico, o Peugeot 3008, o BMW Serie 3 e o Volvo V60, foram selecionados pela sua adaptabilidade tanto à condução ecológica e elétrica em ambiente urbano, como às viagens de maior distância, com o recurso ao motor de combustão.

Para além de possuírem uma autonomia até quase 400km, todos os veículos elétricos incluem carga completa no momento do aluguer, para que o cliente não tenha de se preocupar em carregar a bateria do carro. Todas as instruções necessárias, bem como cartões e cabos de carregamento, são, igualmente, fornecidos aos clientes para que possam carregar as viaturas no seu domicílio ou em qualquer posto de carregamento da rede pública. Para facilitar a pesquisa para encontrar postos de carregamento, o cliente pode solicitar ao balcão um cartão GalpElectric, ou ainda, recorrer à miio App navegando num mapa virtual com vários postos assinalados, explica o grupo.

De acordo com o Europcar Mobility Group, estão, também, disponíveis veículos híbridos, como o Toyota Yaris HSD, Toyota CHR, Toyota Corolla HB e Toyota RAV4, que, mesmo sendo mais dependentes do seu sistema de combustão, devido a não poderem ser carregados externamente, contribuem à mesma para a diminuição do consumo dos combustíveis que produzem emissões de dióxido de carbono.

Nuno Barjona, Head of Marketing do Europcar Mobility Group Portugal, explica a forte aposta da Europcar em promover o aluguer de veículos verdes a nível nacional: “Queremos que o aluguer de carros mais amigos do ambiente seja atrativo, que não existam entraves à utilização destas viaturas no dia-a-dia dos nossos clientes. Por isso, vemos o aumento de viaturas elétricas e híbridas nas nossas frotas, bem como a flexibilização da nossa oferta, como passos fundamentais para ajudar as empresas a enfrentar novas realidades, sobretudo nos tempos incertos que vivemos”.

Estes objetivos vêm em linha com as metas para o aquecimento global definidas pelo Acordo de Paris. O grupo quer reduzir as suas emissões diretas de dióxido de carbono em 46% e as emissões indiretas produzidas pelos seus clientes em 13%, até 2030. O desenvolvimento do programa “ONE Sustainable Fleet” ocorre, assim, no sentido de tornar mais comum a utilização e partilha de veículos verdes, com o descomplicar do seu carregamento e do seu aluguer, através da flexível oferta do Europcar Mobility Group.