“Ficou por regular a obrigatoriedade de os tuk-tuk serem elétricos”

“Ficou por regular a obrigatoriedade de os tuk-tuk serem elétricos”

Os veículos turísticos tuk-tuk podem ter que passar a ser elétricos, referiu ontem, dia 28, o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, durante a reunião pública do executivo, segundo a agência Lusa.

“Ficou por regular a obrigatoriedade de [os tuk-tuk] serem elétricos”, medida que “não podia ser por despacho”, informou Fernando Medina, que explicou que terá de ser enquadrada num regulamento que o município está a realizar.

Na mesma ocasião foi anunciado que a Polícia Municipal de Lisboa levantou, em nove meses, 600 autos de notícia por desrespeito às restrições de circulação de veículos de animação turística na cidade, sobretudo “tuk-tuk”.