Forças Armadas patrulham florestas para prevenir incêndios

Forças Armadas patrulham florestas para prevenir incêndios

Categoria Ambiente, Florestas

As Forças Armadas começaram ontem, até dia 30 de setembro, a vigiar as áreas mais sensíveis na floresta e a sensibilizar a população para a necessidade de adoptar comportamentos adequados à prevenção dos fogos, informou o o Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA) em comunicado.

A vigilância vai contar com 132 militares, divididos em 44 patrulhas (12 da Marinha e 32 do Exército) de três militares cada. O patrulhamento vai ser feito em 15 distritos de Portugal Continental, nos quais o ICNF tem responsabilidade, para o que disponibilizou 44 viaturas (uma por patrulha).

A ação é realizada ao abrigo do Protocolo FAUNUS, assinado em 2017, com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

*Imagem do EMGFA