Fundação Calouste Gulbenkian atribui cinco bolsas de estudo para “Sustainable Finance: Green and Climate Finance”

Fundação Calouste Gulbenkian atribui cinco bolsas de estudo para “Sustainable Finance: Green and Climate Finance”

No âmbito da sua iniciativa Bolsas Gulbenkian Competências Verdes para Executivos, a Fundação Calouste Gulbenkian vai atribuir cinco bolsas de estudo a cinco profissionais de PMEs e startups que pretendam acelerar a transição para modelos de negócio mais sustentáveis e gerar impacto positivo na sociedade. As bolsas atribuídas visam financiar a participação destes profissionais no programa executivo “Sustainable Finance: Green and Climate Finance” do ISEG Executive Education.

Com esta iniciativa, a Fundação Calouste Gulbenkian pretende contribuir para o desenvolvimento de profissionais e líderes mais conscientes e responsáveis, com o conhecimento, a capacidade técnica, os valores e as atitudes necessários ao desenvolvimento de uma sociedade sustentável e de uma economia de baixo carbono.

As bolsas de estudo – de valor equivalente à totalidade da inscrição no programa executivo – serão atribuídas a profissionais com perfis de liderança ou com potencial para liderarem a transformação dentro das suas organizações.

As candidaturas devem ser submetidas até 4 de setembro e têm como destinatários profissionais de microempresas, PMEs e startups. As candidaturas serão avaliadas por um júri composto pela coordenação do programa e por dois membros do Programa Gulbenkian Desenvolvimento Sustentável.

Com início marcado para dia 17 de setembro, o programa executivo “Sustainable Finance: Green and Climate Finance” do ISEG Executive Education pretende ajudar os profissionais e empresas a incorporarem os desafios ambientais na gestão e apoiar as organizações na criação de novas práticas sustentáveis, produtos e/ou serviços no futuro próximo.