Google distingue CEiiA para integrar o programa “Impact Challenge on Climate”

Google distingue CEiiA para integrar o programa “Impact Challenge on Climate”

Categoria Advisor, Investigação

O CEiiA (Centro de Engenharia e Desenvolvimento) foi selecionado pela Google para integrar o programa “Impact Challenge on Climate”, com a plataforma de sustentabilidade “AYR”, baseada em blockchain, e que recompensa comportamentos neutros em carbono na mobilidade, lê-se num comunicado.

Rowan Barnett, head da Google.org para as regiões da EMEA e APAC, sublinha que “recebemos uma quantidade impressionante de inscrições para o nosso Programa Impact Challenge on Climate Google.org, e nós e o júri de peritos ficamos convencidos com o conceito inovador do AYR, onde cidadãos, comunidades e empresas são recompensados por comportamentos de mobilidade sustentável. Isto estabelece a primeira pedra para a implementação de mercados locais voluntários de carbono. Estamos muito entusiasmados por apoiar o CEiiA para continuar a desenvolver a plataforma AYR e estamos entusiasmados para trabalhar com esta equipa”.

Segundo o Centro de Engenharia e Desenvolvimento, a AYR é uma plataforma de sustentabilidade que “recompensa as pessoas e comunidades por não emitirem CO2, em vez de fazê-las pagar pelas suas emissões”, possibilitando a “criação de mercados locais voluntários de carbono” nos quais os créditos digitais verdes circulam como “tokens verdes“. Os “utilizadores podem trocar esses créditos por outros serviços” e “as empresas podem compensar localmente a sua pegada de carbono”, contribuindo para a “acelerar a transição global para cidades neutras em carbono”, precisa a nota.

Sobre a relevância do AYR, o ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, declarou que “a neutralidade carbónica só será alcançada com o envolvimento dos municípios e dos cidadãos. Este projeto, ao apoiar o desenvolvimento dos Mercados Locais de Carbono, aliando o comportamento dos cidadãos à descarbonização através da tecnologia, é o exemplo das sinergias existentes entre transição verde e digital, e do seu contributo para acelerar a transição para uma sociedade neutra em carbono”.

Já para José Rui Felizardo, CEO da CEiiA, “esta é uma grande oportunidade para Portugal, e para nós CEiiA, uma vez que vem reforçar o nosso contributo ativo para este desafio planetário associado às alterações climáticas. Esta seleção do Desafio de Impacto sobre o Clima do Google.org impulsionará a nossa plataforma AYR e dá-nos a possibilidade de trabalhar em estreita colaboração com vários parceiros em todo o mundo.”

O CEiiA e outras 10 entidades internacionais vão trabalhar com a equipa do Impact Challenge on Climate da Google nos próximos três meses e os próximos dois anos serão dedicados à escalabilidade do AYR em cidades de todo o mundo.