Governo penaliza carros a gasóleo

Governo penaliza carros a gasóleo

O Orçamento de Estado para 2017 vai contemplar um novo agravamento de impostos a aplicar ao setor automóvel.

Os veículos a gasóleo são os mais penalizados, através do aumento do ISV e do próprio combustível. Neste quadro geral, apenas os veículos importados usados vão ter um alívio fiscal, sobretudo devido a exigências do Tribunal de Justiça Europeu.

As taxas do imposto sobre veículos (ISV) vão aumentar genericamente 3%, quer na cilindrada, quer na componente ambiental. O Imposto Único de Circulação (IUC) sobe, em média, 0,8%, mas agrava-se em 6,5% para os automóveis com emissões poluentes acima de 180 gramas por quilómetro e de 8,8% para emissões acima de 250 gramas por quilómetro.

Para além disso, são introduzidos novos escalões relativos ao cálculo de desvalorização dos veículos usados importados da União Europeia. O desconto pode chegar aos 80% em automóveis com mais de dez anos. Esta redução de ISV é criticada pela Associação Nacional das Empresas do Comércio e da Reparação Automóvel, que teme o envelhecimento do parque automóvel nacional.