Governo pretende executar garantia de nove milhões à Iberdrola

Governo pretende executar garantia de nove milhões à Iberdrola

Categoria Ambiente, Energia

Tal como a Galp, também a Iberdrola foi notificada de que o Governo pretende acionar a caução que a empresa depositou em 2007 como garantia de construção de uma central elétrica que não passou de um projeto, noticia o Público. No caso do grupo espanhol, trata-se da central de ciclo combinado de Lavos, na Figueira da Foz, que deveria ter entrado em funcionamento em 2010, mas a Iberdrola deixou cair em 2013, renunciando à licença de produção.

Segundo o Público, o entendimento do Ministério da Economia é que a empresa falhou a obrigação de pôr a central em funcionamento nas datas previstas e que, por isso, a caução de nove milhões de euros depositada através de garantia bancária no Banco Sabadell pode ser acionada. Além disso, deverá ser utilizada para reduzir o défice tarifário.