Guimarães com tolerância zero para a poluição em 2017

Guimarães com tolerância zero para a poluição em 2017

O atentado ambiental que, na semana passada, despejou vários litros de esgoto para o rio Selho, em Creixomil, dominou a reunião do executivo municipal de Guimarães. A oposição da Direita pediu consequências políticas da descarga e a autarquia respondeu que a despoluição está em curso, avança o Jornal de Notícias.

Domingos Bragança, presidente da autarquia, admite que há “pontos negros” poluentes mas reforça que só vão ter resolução com “a implementação total do plano para despoluição dos rios”. O edil prevê que o plano fique concluído em grande parte até 2017, ano em que a cidade se quer candidatar a Capital Verde Europeia.

Domingos Bragança afasta a ideia de demissão do presidente da Vimágua e sustenta que a empresa “está a fazer um trabalho excecional”.