“In Arboriam” da Servilusa promove floresta udiana com milhares de árvores

“In Arboriam” da Servilusa promove floresta udiana com milhares de árvores

Categoria Advisor, Empresas

A Servilusa lança o projeto In Arboriam, que tem como finalidade plantar uma árvore física por cada serviço funerário realizado, como forma de “homenagem aos falecidos” e também em benefício das gerações presentes e futuras.

O projeto, desenvolvido pela Servilusa em Portugal, em parceria com a Tree-Nation, uma ONG que se dedica ao reflorestamento do planeta, teve início em setembro de 2020 e prevê a plantação de 4.000 árvores Servilusa até final do ano, refere a agência funerária em comunicado,

Até á data de hoje, segundo Servilusa, já “foram plantadas 2 065 árvores, gerando com isso 82 710 kg de compensação de CO2”.

Paulo Carreira desatacou que “a iniciativa, pioneira no setor, será acompanhada pelo desafio feito pela Servilusa, a todos que se queiram associar, para oferecerem também árvores para plantar». O diretor geral de negócio da Servilusa assinalou igualmente que «com o In Arboriam se torna tangível a memória, criando laços fortes entre as próprias famílias, amigos e o falecido, fortalecendo a recordação! Com este projeto a Servilusa assume o seu compromisso para com as famílias e em prol do meio ambiente”.

Com esta iniciativa, a Servilusa visa aproximar as famílias das suas memórias e raízes, contribuindo assim para a gestão do luto de amigos e familiares. Promovendo uma grande floresta udiana (lugar virtual que reúne todas as árvores de tributo em memória de uma pessoa), de homenagem aos defuntos e à sua memória, torna-se igualmente uma “ação de impacto positivo no ambiente, à escala global, como aposta na redução da pegada de carbono da empresa, esperando plantar mais de 50 mil árvores nos próximos anos”, refere o mesmo comunicado.

Na primeira fase desta colaboração, as plantações no âmbito da iniciativa serão realizadas a nível internacional. Numa segunda fase, Portugal será também cenário para plantação de árvores de homenagem aos falecidos, com um impacto socio-ambiental local.

“A Tree-Nation orgulha-se deste envolvimento com a Servilusa, na criação de um forte projeto ambiental, que oferece às famílias um memorial altamente simbólico, que é muito acessível e fácil de compartilhar nas redes sociais. A experiência da Tree-Nation permite combinar o plantio de novas árvores com a melhoria dos serviços funerários”, afirmou Maxime Renaudin, fundador da Tree-Nation.