INCM fornece cartões PETG reciclado à presidência portuguesa do Conselho da União Europeia 2021

INCM fornece cartões PETG reciclado à presidência portuguesa do Conselho da União Europeia 2021

A Imprensa Nacional – Casa da Moeda (INCM) forneceu à presidência portuguesa do Conselho da União Europeia 2021 (PPUE 2021) os cartões de identificação adotados pelo processo de acreditação, reciclados e amigos do ambiente. Construídos em “PETG reciclado”, os cartões estão pensados para contribuírem com um “menor impacto ambiental no planeta”, sendo assegurados pelo núcleo de acreditação da estrutura de missão da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (EMPPUE), refere o comunicado da INCM.

Os cartões entregues à EMPPUE 2021 identificam todos aqueles que pretendam aceder aos eventos organizados pela PPUE 2021. Com design concebido pela estrutura de missão, coube à INCM a produção e impressão do verso do cartão. A frente do cartão, com foto e nome, está preparada para ser impressa in loco, sempre que necessário.

Este é um marco na produção de cartões para a INCM. Já foram produzidos e entregues cerca de 20 mil cartões, estando mais 2 mil prontos para ser entregues. A INCM assegura em comunicado que “todo o ciclo de vida” deste produto foi analisado, desde a origem das matérias-primas, passando pela produção, até ao fim de ciclo, de forma a avaliar como é que o PETG reciclado seria a melhor opção de material para os novos cartões.

Andreia Cardoso, gestora de inovação na INCM, explica que “o uso de materiais reciclados deve ser uma medida básica e obrigatória para a melhoria da qualidade ambiental. Este compromisso, juntamente com a quebra do ciclo de desperdício e aumento da reciclabilidade, terão um impacto ambiental inimaginável. Em relação ao futuro, é necessário continuar a olhar para todo o ciclo de vida dos materiais, e não apenas para uma das etapas ou apenas para o presente. Desenvolvimento sustentável significa preencher as necessidades do presente sem afetar as gerações futuras, tendo sempre como pensamento primordial a natureza, os recursos naturais e as gerações futuras”.

O PETG Reciclável é um tipo de poliéster que não liberta substâncias perigosas do início ao fim do seu ciclo de vida. Este tipo de constituição permite que a sua reciclagem e incineração se realize sem emissão de gases nocivos. Além disso é uma alternativa com eficiência energética: “ao reciclar o plástico, 80% da energia total gasta na fabricação de novos produtos de plástico é economizada, bem como a redução da quantidade de plásticos virgens e consumo de água”, lê-se no comunicado.

Baseado nos princípios da economia circular (redução, reutilização, recuperação e reciclagem de materiais e energia), o uso de PETG reciclado tornou-se uma escolha da INCM. Atualmente, a INCM encontra-se a desenvolver um “conjunto de projetos” que têm por objetivo a “implementação destes cartões, a nível nacional e internacional, trabalhando apenas com empresas certificadas e auditadas”, refere.

Além destes cartões de identificação, há ainda outros cartões amigos do ambiente que serão utilizados nos eventos organizados pela PPUE e que decorrem em território nacional. Estes cartões, fornecidos por outra entidade, são produzidos a partir de fibras de algodão recicladas e incorporam sementes de plantas para que, após a utilização, possam ser plantados e germinar essas plantas. Estes cartões dão acesso a reuniões técnicas e têm uma etiqueta holográfica produzida pela INCM.