Lisboa apoia projeto-piloto para combater lixo no chão

by Inês Gromicho | 27 Agosto 2020 11:11

Este projeto piloto tem como objetivo recolher informações e monitorizar os resíduos depostos nas ruas da cidade – entre os quais beatas, mas também papel, vidro, folhas de árvores, entre outros e decorre durante dois dias (25 e 26 de agosto).

Um projeto realizado no âmbito da Capital Verde Europeia 2020, em colaboração com a Tabaqueira, uma subsidiária da Philip Morris International (PMI), e com a participação de parceiros tecnológicos internacionais – as startups Cortexia e Litterati, para além da Carto, conta com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.

Este projeto-piloto vai ao encontro de um dos compromissos da Capital Verde Europeia 2020, na área dos resíduos, nomeadamente a promoção da diminuição de resíduos na cidade, o aumento da recolha seletiva, o combate ao uso de plástico descartável e o desperdício alimentar, e a promoção de uma verdadeira economia circular dos materiais.

Durante estes dois dias, um veículo adaptado pela Cortexia com tecnologia de ponta e software de inteligência artificial irá percorrer algumas ruas da cidade de Lisboa, detetando resíduos e coligindo dados, informação essa que será posteriormente utilizada para monitorização e otimização da limpeza urbana. Ao mesmo tempo e com o mesmo fim, a Litterati percorrerá as ruas de Lisboa fazendo uso da tecnologia que desenvolveu numa aplicação de “crowdsource-cleaning”.

A par do teste à tecnologia e metodologia que está a ser desenvolvida em conjunto por estes parceiros tecnológicos internacionais, esta ação procura também sensibilizar e transmitir boas práticas ambientais, procurando promover o descarte adequado dos resíduos. Trata-se de uma iniciativa que arranca em Lisboa com o objetivo de ser também replicada a nível global pela PMI que, em julho deste ano, estabeleceu uma nova e ambiciosa meta a nível ambiental – reduzir em 50% os resíduos plásticos dos seus produtos até 2025 (versus 2021).

Source URL: https://www.ambientemagazine.com/lisboa-apoia-projeto-piloto-para-combater-lixo-no-chao/