Ministro do Ambiente acompanha trabalhos de remoção do jacinto-de-água no rio Sorraia

Ministro do Ambiente acompanha trabalhos de remoção do jacinto-de-água no rio Sorraia

O ministro do Ambiente e Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, acompanha amanhã, 4 de setembro, pelas 14h00, a ação de remoção de jacintos-de-água no Rio Sorraia, junto ao açude do Furadouro, em Mora, segundo refere um comunicado da Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

Esta deslocação ao terreno tem como objetivo inteirar-se do estado de implementação do Plano de Remoção e Controlo do Jacinto-de-Água no Rio Sorraia, que está a ser levado a cabo pela APA em parceria com as Câmaras Municipais de Benavente, Coruche e Mora e com a Associação de Regantes e Beneficiários do Vale do Sorraia (ARBVS) e a Associação de Beneficiários da Lezíria de Vila Franca de Xira (ABLVFX).

O Jacinto-de-Água é uma infestante aquática originária da América do Sul que apresenta uma capacidade de reprodução vegetativa por fragmentação bastante elevada verificando-se que, em apenas um mês, em condições ótimas de luminosidade e temperatura, teores elevados de fósforo e azoto na água, e baixos caudais, com a consequente redução da velocidade do escoamento, um único indivíduo é capaz de produzir 50 a 70 novos indivíduos.

Em consequência, é praticamente impossível a sua erradicação, sendo apenas possível controlar a sua expansão.