Ministro quer gestão conjunta da água por municípios

by Inês Gromicho | 20 Junho 2016 10:19

“Há um esforço grande a fazer na melhoria da gestão dos sistemas de água e saneamento básico, que passa pela transição dos sistemas municipais para multimunicipais”, considerou o ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, na Covilhã, durante o debate “Águas e resíduos – Perspetivas de futuro”, integrado no ciclo União Europeia, 30 anos, 10 debates.

Segundo o Diário de Notícias de dia 19 de junho, para João Matos Fernandes, “tem de haver uma agregação da gestão, que permite melhorar o serviço e obter ganhos de escala, que também se refletem numa redução das tarifas”.

A esse propósito, o governante anunciou que “80 municípios já manifestaram ao Ministério do Ambiente a disponibilidade de avançar para uma gestão conjunta dos seus sistemas de água”. Por isso, o ministro disse esperar que até final do ano cerca de 60 autarquias possam estar já a funcionar no novo modelo.

Ao mesmo tempo que garantiu que não vai aumentar o preço da água cobrada aos municípios que aderirem ao novo modelo, que rompe com o adotado na anterior legislatura, aproveitou também para deixar algumas críticas. “Não faz sentido que em algumas zonas 50% da água não seja faturada, seja por que razão for”, observou o governante, acrescentando que “não é justo que haja câmaras que não paguem água e se financiem com a água que vendem”.

Source URL: https://www.ambientemagazine.com/ministro-quer-gestao-conjunta-da-agua-por-municipios/