Nova ETAR da Amareleja custa 414 mil euros

Nova ETAR da Amareleja custa 414 mil euros

Categoria Águas, Ambiente

A empresa Águas Públicas do Alentejo iniciou o procedimento para remodelar a Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da Amareleja, Moura, num investimento de 414 mil euros. De acordo com a empresa, a obra tem um prazo de execução de 370 dias. “Com esta remodelação, é melhorado o tratamento das águas residuais dos cerca de 2500 habitantes abrangidos pela área da atual ETAR”, frisa a autarquia em comunicado. A Câmara de Moura é um dos 21 municípios que assinaram o acordo com a Águas de Portugal, em 2009, para a criação da Águas Públicas do Alentejo, empresa que faz desde então a gestão do sistema de abastecimento de água.