Nunca se venderam tantos carros elétricos em Portugal

Categoria Ambiente, Energia

As vendas de carros elétricos ainda são muito reduzidas em Portugal, mas há cada vez mais empresas e particulares a escolher veículos amigos do ambiente. Entre janeiro e outubro deste ano venderam-se 422 carros elétricos, mais 273 do que no período homólogo do ano passado, o que representa um crescimento de 183%. No total, é estimado que circulem no país cerca de 1180, o que continua a ser um número muito pouco expressivo no universo dos 5,7 milhões de automóveis que existem em Portugal.

Num momento em que se discutem em Paris as alterações climáticas, os automóveis elétricos apresentam-se como uma alternativa para reduzir as emissões de gases com efeitos estufa. Esta foi, inclusive, a opção de mobilidade escolhida pelos organizadores da cimeira do clima de Paris (COP21), avança o Diário de Notícias.

De acordo com os dados cedidos ao DN pela Associação Automóvel de Portugal, este foi o ano em que se venderam “mais carros amigos do ambiente no país”. “Este crescimento está relacionado com uma maior confiança no carro elétrico, uma oferta cada vez mais diversificada e com os incentivos para as empresas na renovação das frotas”, destaca Luís Reis, do CEIIA – Centro de Excelência para a Inovação na Indústria Automóvel.