Oceanário apresenta “Conservação”

Oceanário apresenta “Conservação”

O Oceanário de Lisboa tem em curso uma exposição sobre uma seleção de projetos de conservação financiados pelo aquário, desde a sua inauguração até aos dias de hoje. A mostra tem como objetivo dar a conhecer que o trabalho de conservação abrange uma grande diversidade de espécies, envolvendo programas de reprodução, recolha de dados científicos, recuperação e repovoamento de habitats, medidas de proteção de ecossistemas, entre muitos outros aspetos.

Segundo Núria Baylina, curadora e diretora de conservação do Oceanário de Lisboa, citada em comunicado, “partilhamos da visão de que a conservação dos oceanos é uma responsabilidade de todos. Os ecossistemas marinhos são dos maiores ativos que podemos ter e é fundamental assegurar, através de financiamento e de apoio ao conhecimento científico, a sua integridade no presente e para o futuro”.

O Oceanário de Lisboa, colabora em projetos que promovem a conservação de espécies ameaçadas e da biodiversidade marinha desde 1998. Em 2007, iniciou o apoio financeiro a projetos, tendo estas iniciativas gerado resultados para a ciência, ao nível nacional e internacional, com o envolvimento de parceiros diversos, entre instituições académicas e de investigação, ONG’s, instituições de renome como a Fundação Calouste Gulbenkian e o National Geographic Channel. Recentemente, o Oceanário financiou o Centro de Reabilitação de Animais Marinhos, localizado no ECOMARE, em Ílhavo, o maior centro de resgate e salvamento de animais marinhos da Europa.