Portugal diminui emissões de carbono com veículos elétricos

Portugal diminui emissões de carbono com veículos elétricos

A eCooltra, líder em mobilidade partilhada por scooters em Portugal, cuja principal característica se prende com a utilização de veículos com emissão zero, aproxima-se da barreira dos 2 milhões de quilómetros percorridos, só na cidade de Lisboa.

Pertencente ao grupo espanhol Cooltra, do qual também fazem parte a Ecoscooting, que se dedica a proporcionar um serviço de entregas personalizadas e a Cooltra, maior empresa europeia no aluguer de motas, a eCooltra apurou que, só em Portugal, já foram percorridos um toral de 1.822.527 km nas suas scooters 100% elétricas da eCooltra, desde de que se lançaram na capital portuguesa, em 2017. Esta distância percorrida é equivalente a 45 voltas à Terra. Nesses quase 2 milhões de quilómetros percorridos, não ocorreu qualquer tipo de emissão de CO2, graças ao sistema elétrico com que todas as scooters estão equipadas.

As próprias baterias destes motociclos são concebidas com materiais renováveis, assim como os veículos utilizados para a manutenção da frota da eCooltra são também movidos a energia elétrica. Desta forma
a empresa garante um serviço 100% sustentável, sendo que os utilizadores da eCooltra na capital são desta forma responsáveis pela diminuição de 133.044 kg de emissões de CO2 na atmosfera.

Tendo em conta todos os países onde a marca opera, foram feitos 22.000.000 quilómetros com scooters da eCooltra, o que representa 530 voltas à Terra e uma poupança de 1.500 toneladas de emissões de CO2.

Numa altura em que Portugal é recentemente reconhecido como um dos países que reduziu mais o consumo de CO2, a empresa revela a sua satisfação por poder contribuir de alguma forma para estes resultados. Segundo o estudo da EuroStat, Portugal reduziu cerca de 9% das emissões, mais do triplo dos restantes países da União Europeia.

Muitas são as mudanças que se têm verificado em Portugal que terão contribuído para estes resultados. A aposta de empresas de mobilidade partilhada, que permite aos portugueses deslocarem-se de forma mais económica e sustentável poderá ser um dos factores mais relevantes.

“A aposta da eCooltra, desde a sua génese, tem sido desde sempre a de proporcionar um serviço sustentável que resulte em cidades mais limpas e ecológicas. Em Portugal, vejo ainda uma grande margem de crescimento e, poder crescer assim, sabendo que de alguma forma contribuímos para a
preservação do ambiente, deixa-me muito satisfeito”, afirma Timo Buetefish, CEO e fundador do grupo.