Portugal Smart Cities: “É uma forma de agradecer a quem confia em nós”

Portugal Smart Cities: “É uma forma de agradecer a quem confia em nós”

São duas empresas independentes, mas no Portugal Smart Cities partilham o mesmo espaço. A Certoma é uma empresa dedicada à área da limpeza, em setores como a limpeza urbana, máquinas e saneamento, a limpeza industrial, os espaços verdes e a limpeza de praias. Já a Hidromaster é uma empresa dedicada aos resíduos. Quem o diz é João Varela, diretor comercial da Certoma e da Hidromaster.

No mercado há 35 anos, a Certoma está no evento a divulgar um conjunto de equipamentos e máquinas destinados à limpeza das cidades. Por seu turno, a Hidromaster, no mercado há 18 anos, tem em exposição veículos associados à mobilidade elétrica, papeleiras inteligentes de compactação por energia solar e uma alusão às viaturas de recolha de resíduos sólidos urbanos com a pilha de hidrogénio.

“Para além de ser uma forma de “nos aproximar de quem nos visita”, a presença no Portugal Smart Cities é também uma forma de “agradecer a quem confia em nós”, refere João Varela, que faz um balanço muito positivo destes três dias: “Temos recebido visitas de muitos clientes, autarquias, Juntas de Freguesia e empresa municipais”.

O diretor comercial acredita que Portugal tem evoluído rápido no que ao conceito cidades inteligentes diz respeito: “As Câmaras Municipais têm vindo a desenvolver e a procurar ter cidades mais inteligentes e sustentáveis e nós temos procurado colaborar e corresponder como os nossos equipamentos e soluções igualmente sustentáveis”. No fundo, trata-se de uma situação win-to-win: “Algumas vezes, somos nós que lhes levamos as novidades; outras vezes, são eles que nos colocam os desafios e nos fazem procurar no mercado para poder apresentar soluções” remata.

O Portugal Smart Cities 2021 chega ao fim de mais uma edição. Entre os dias 16 e 18 de novembro, foram muitas as empresas e as autarquias que quiseram expor ao mercado os seus produtos, soluções e projetos inteligentes.

Cristiana Macedo, no Portugal Smart Cities Summit 2021, em Lisboa