Projeto de autoconsumo da SunEnergy em Águeda permite diminuição de 100 toneladas de CO2 por ano

Projeto de autoconsumo da SunEnergy em Águeda permite diminuição de 100 toneladas de CO2 por ano

Categoria Advisor, Empresas

A SunEnergy acaba de anunciar instalação de projeto em modelo de autoconsumo com a ASD, em Águeda.

Segundo a empresa, o novo projeto é constituído por 400 painéis solares fotovoltaicos de 370W para produção de energia elétrica a partir do sol que será consumida pelo edifício. “Com 148 kW de potência, este projeto vai permitir uma significativa redução da fatura energética, numa poupança estimada de 25 mil euros por ano, bem como a diminuição de emissão de 100 toneladas de CO2 anuais”, explica a SunEnergy, num comunicado.

De acordo com Carlos Dias, diretor-geral da ASD, “sempre tivemos a inovação e vanguarda como motes do nosso trabalho, mas também a sustentabilidade. Os desafios da crise climática devem obrigar-nos a todos a repensar as nossas ações e a forma como podemos contribuir para um ambiente e futuro melhores. Este novo projeto com a SunEnergy procura cumprir este propósito”.

Já Rui Oliveira, diretor comercial da SunEnergy, refere que “as empresas portuguesas têm apostado, cada vez mais, em projetos mais sustentáveis, pelo que é com entusiasmo que estaremos do lado da ASD neste caminho. Além disso, a aposta em soluções de autoconsumo para reduzir a fatura da energia faz cada vez mais sentido, não só pelas preocupações ambientais, mas também porque pode ser uma forma de contornar o aumento exponencial do preço da energia nos últimos meses, diminuindo a dependência em relação à rede elétrica”.

Foto: Da direita para esquerda - Rui Oliveira (Sunenergy) e Carlos Dias (ASD)