Quercus liberta várias espécies de aves amanhã

Quercus liberta várias espécies de aves amanhã

A Quercus, através do seu Centro de Recuperação de Animais Selvagens (CRASSA), vai devolver à natureza, quatro cegonhas brancas (ciconia ciconia), um peneireiro-cinzento (elanus caeruleus), um falcão-tagarote ou ógea (falco subbuteo), uma coruja-do-mato (strix aluco), entre outras espécies de aves.

Antes de serem devolvidas ao seu habitat, estas aves serão marcadas com anilhas metálicas e será efetuado o seu registo biométrico, que permitirá a sua posterior identificação em caso de recaptura.

As aves serão libertadas amanhã, na Reserva Natural das Lagoas de Santo André e da Sancha, área protegida próxima ao CRASSA.

Durante este ano e, até ao momento, o Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Santo André já recebeu e recuperou mais de uma centena de aves.

“Apesar das dificuldades que têm surgido e da falta de apoios públicos e privados para a recuperação de fauna selvagem, esperamos que seja possível manter o nosso trabalho de voluntariado, a bem da conservação da natureza e do país”, refere a Quercus no seu site oficial.