“Reciclar também é ajudar” regressa às lojas do Pingo Doce para ajudar na preservação dos golfinhos no Tejo

by Cristiana Macedo | 29 Julho 2021 11:41

A campanha “Reciclar também é ajudar”, da ERP Portugal, regressa às lojas Pingo Doce, desta vez com o objetivo de ajudar a ANP|WWF na proteção dos golfinhos no Tejo e conservação da biodiversidade.

Até ao final de agosto, “cada tonelada de resíduos elétricos e eletrónicos e pilhas usadas recolhidas será convertida em 100 euros de donativo a entregar à ANP|WWF para o desenvolvimento da sua atividade de proteção da natureza e conservação da biodiversidade em Portugal”, refere um comunicado divulgado pela ERP Portugal.

“Depois do sucesso da edição do ano anterior, a ERP Portugal renova a parceria com as lojas Pingo Doce e alia a reciclagem à componente social, transformando os resíduos em ajuda, desta vez, dirigida à ANP|WWF”, refere Filipa Moita, responsável de comunicação da ERP Portugal, acrescentando que “com a campanha ‘Reciclar também é ajudar!’ pretendemos, também, despertar a consciência dos portugueses para a adoção de boas práticas, através da entrega seletiva de resíduos nas lojas Pingo Doce, para garantir que os componentes nocivos (como mercúrio das lâmpadas ou o lítio das pilhas) são tratados e os materiais reciclados para serem incorporados em novos produtos”.

Fernando Ventura, diretor de Inovação Ambiental do Grupo Jerónimo Martins, assume que “a preservação da biodiversidade é uma prioridade estratégica para o Pingo Doce, que desenvolve várias iniciativas para materializar compromissos assumidos para combater a desflorestação, preservar o ecossistema marinho, promover práticas de agricultura sustentável, combater as alterações climáticas e conservar a biodiversidade. Esta iniciativa, permite ainda aos nossos clientes terem um papel ativo na proteção de uma espécie importante para Portugal, promovendo, ao mesmo tempo, uma economia mais circular para os equipamentos e pilhas usados”.

Já Ângela Morgado, diretora Executiva da ANP|WWF, destaca a importância dos setores se cruzarem para promover uma mudança verde para um futuro mais sustentável: “Reduzir, em primeiro lugar, e reutilizar e reciclar são simples ações que todos podemos ter no nosso dia-a-dia e que têm um enorme impacto na conservação da natureza. Com o envolvimento de todos, conseguimos criar soluções para o combate à poluição e ao depósito de resíduos na natureza”.

Source URL: https://www.ambientemagazine.com/reciclar-tambem-e-ajudar-regressa-as-lojas-do-pingo-doce-para-ajudar-na-preservacao-dos-golfinhos-no-tejo/