Requalificação Ambiental no Barreiro e Seixal

Requalificação Ambiental no Barreiro e Seixal

No ínicio de 2017, arrancam as candidaturas para intervenção e requalificação de passivos ambientais no Barreiro e Seixal. Os munícipios terão assim oportunidade de requalificar antigas áreas industriais, como a baía do Tejo.
“Foram feitas três candidaturas, duas para o Barreiro, de 7 milhões de euros, com cerca de 5,5 hectares e uma para o Seixal no valor de seis milhões de euros, numa área de 1,7 hectares, refere o Correio da Manhã

Servem estas intervenções para que “os fatores críticos identificados pela Agência Portuguesa fiquem solucionados” afirma Carlos Martins, secretário de Estado do Ambiente. As candidaturas têm comparticipação de 85% pela POSEUR.