Ricardo Neto assume presidência de dois anos na associação Fluxos

Ricardo Neto assume presidência de dois anos na associação Fluxos

Categoria Ambiente, Resíduos

Ricardo Neto, atual presidente da ERP Portugal e Novo Verde, acaba de ser eleito presidente da Fluxos, a associação que representa Entidades Gestoras de Resíduos em Portugal, assumindo um mandato por dois anos, lê-se numa nota de imprensa.

A Associação Fluxos agrega oito entidades gestoras de resíduos desde a embalagem, de pilhas e baterias, de equipamentos elétricos e eletrónicos, bem como de medicamentos e automóvel. Em conjunto, gerem cerca centenas de milhares de resíduos anualmente, e estabelecem relação com mais a maioria dos produtores/importadores, bem como com outras entidades conexas à gestão do fluxo de resíduos nomeadamente  municípios, distribuidores, operadores de gestão de resíduos, entre outras.

Ricardo Neto iniciou a sua atividade profissional na área comercial, mas a sua ampla carreira no setor do ambiente começou em 2000 enquanto consultor para a Iberia de empresas de TI – Tecnologias de Informação. No ano de 2005 assumiu funções de Diretor Geral da ERP Portugal e, no ano de 2014, tornou-se Head of Iberia & South America do Grupo Landbell. Em 2016 criou a Novo Verde, entidade gestora de resíduos de embalagem da qual é Presidente, sendo também Presidente da ERP Portugal, dedicada à gestão de resíduos elétricos, eletrónicos, pilhas e acumuladores.

“A missão da Fluxos passa por assegurar e defender o papel das entidades gestoras no panorama da gestão de resíduos a nível nacional, sobretudo numa altura em que se discutem temáticas estruturantes para o sector, como os Sistemas de Depósito e Retorno, a legislação dos Fluxos Específicos de Resíduos, entre outros. Todo o setor e as suas respetivas fileiras vivem grandes desafios que a Associação estará atenta e com um papel ativo na sua resolução”, afirma Ricardo Neto, presidente da Associação Fluxos, numa nota divulgada pela Fluxos.

Com Ricardo Neto na Presidência, em representação da Novo Verde, a nova direção da Fluxos é composta também pela Electrão na Vice-Presidência. Como Vogais da associação constam as entidades gestoras ERP Portugal, Sociedade Ponto Verde, Valorcar, Valorfito, Valormed e Valorpneu.