Roteiro do Hidrogénio percorre cidades portuguesas com sessões de sensibilização

Roteiro do Hidrogénio percorre cidades portuguesas com sessões de sensibilização

A Associação Industrial Portuguesa (AIP), o Instituto Politécnico de Portalegre (IPP) e a Academia para o H2, lançaram recentemente o Roteiro do Hidrogénio com o objetivo de promover uma política industrial em torno do hidrogénio verde, qualificando-o como uma das principais soluções para a descarbonização da economia.

Este roteiro será constituído por 23 sessões, a realizar em cada uma das áreas metropolitanas e comunidades intermunicipais, que irão decorrer ao longo de seis meses. Dirigido a empresas, autarquias, instituições de Ensino Superior, técnicos, estudantes e outros agentes do território, o roteiro visa valorizar o conhecimento no âmbito de sistemas e tecnologias relacionadas com o hidrogénio verde e a sustentabilidade energética.

“Estamos fortemente envolvidos no esforço da divulgação e sensibilização para a importância que o hidrogénio assumirá na futura matriz energética. Este roteiro mobilizará empresários e outros atores, por todo o país, numa iniciativa de grande alcance”, declara José Eduardo Carvalho, presidente da AIP.

A iniciativa resulta de uma parceira da AIP com o Instituto Politécnico de Portalegre/Academia para o H2 e tem o apoio do Ministério do Ambiente e Ação Climática. A primeira sessão teve lugar em Portalegre, a 31 de março, e a segunda decorre já esta quinta-feira, dia 12 de maio, em Tondela.

Estas sessões contarão com a participação de especialistas nacionais e internacionais, mas também de empresas que expõem e divulgam as suas experiências no domínio do desenvolvimento e da aplicação em contexto empresarial de sistemas e tecnologias relacionadas com o hidrogénio verde.

Para breve estão já marcadas também uma sessão em Cantanhede, a 24 de maio, e outra em Sines, a 2 de junho.