Schneider Electric entre os finalistas dos Global Water Awards pelas suas soluções inteligentes para o setor de água

Schneider Electric entre os finalistas dos Global Water Awards pelas suas soluções inteligentes para o setor de água

Categoria Águas, Ambiente, Energia

A Schneider Electric foi nomeada na categoria “Smart Water Company of the Year” nos prestigiados prémios internacionais Global Water Awards, entregues pela revista Global Water Intelligence. Estas distinções reconhecem os sucessos alcançados pelas empresas no setor da água e a categoria “Smart Company of the Year” é entregue à empresa que mais contribuiu para o avanço da tecnologia digital no setor em 2017. Estes prémios serão entregues em abril, durante o Global Water Summit, o encontro de referência para o setor da água a nível mundial.

A multinacional francesa posiciona-se assim entre as melhores empresas do setor de água, oferecendo soluções integrais e inteligentes que incluem desde a fase de projeto até às operações. A organização dos prémios reconheceu a liderança e inovação da Schneider Electric em diferentes projetos internacionais, que demonstram como as tecnologias digitais e inteligentes podem proporcionar soluções eficientes para necessidades específicas. Por exemplo, em 2017, a Schneider Electric melhorou a eficiência energética de quatro cidades dos Estados Unidos, proporcionando poupanças anuais no valor de um milhão de dólares. Ajudou também a detetar fugas nas redes de distribuição de água no Reino Unido e está a implementar soluções de poupança de água, otimização de operações e ativos na Smart City de Naya Raipur, na Índia. Outra ação que demonstra a capacidade de adaptação da Schneider Electric às necessidades do setor é o desenvolvimento de uma ferramenta IoT baseada na Cloud para gestão inteligente e sustentável da irrigação na Nova Zelândia, capaz de revolucionar a agricultura e permitindo reduzir até 50% o consumo de água.

Entre as novas ferramentas para o setor, a organização dos prémios destacou o EcoStruxure Maintenance Advisor, EcoStruxure Asset Advisor e Water Network Optimization. O EcoStruxure da Schneider Electric é uma arquitetura de sistemas aberta e interoperável, preparada para IoT, que permite obter um controlo e gestão, em tempo real, de todos os processos, bem como aumentar a produtividade, reduzir os custos e o consumo energético. EcoStruxure Maintenance Advisor é uma ferramenta IIoT de manutenção preditiva que permite suportar a tomada de decisão para melhorar a produtividade, incluindo todos os ativos da infraestrutura, desde fábricas até a estações de bombagem remotas, enquanto que o EcoStruxure Asset Advisor garante que as operações críticas funcionam de forma segura, através da monitorização contínua dos produtos conectados. Por outro lado, o software Water Network Optimization permite reduzir os riscos e custos de gestão na rede de distribuição de água, ao fornecer mais informações de valor para suportar a tomada de decisão, em tempo real.

“Este setor tem agora um duplo desafio: por um lado, ser mais eficiente reduzindo os consumos energéticos e otimizando o ciclo de vida dos seus ativos e, por outro lado, incentivar a uma utilização mais eficiente da água. Neste sentido, as empresas e entidades do setor devem alcançar um grau de inteligência e conectividade nas suas instalações que permita a redução de custos operacionais, a gestão eficiente das suas infraestruturas e a eficácia dos seus processos, facilitando a poupança energética, com soluções Smart, como as que nos colocaram entre os finalistas destes prestigiados prémios”, assegura Jokin Larrauri, vice-presidente Global de Vendas e de Desenvolvimento de Negócio, do Segmento da Água, na Schneider Electric.

A Schneider Electric é o maior fornecedor tecnológico de harware, software e serviços associados para o setor da água, o que torna esta empresa no parceiro certo para enfrentar os desafios atuais. Contando com quase meio século de experiência na indústria da água, a Schneider Electric está presente em mais de 36 000 instalações de água potável e de águas residuais: desde algumas das maiores fábricas de depuração de água residual do mundo – como a Atotonilco, no México, ou a Seine Aval, em França – até à gestão da distribuição de água em cidades como Londres, Sidney, Barcelona e Paris, e a gestão de ativos e manutenção de infraestruturas de água em cidades como Nova Iorque, Toronto e Las Vegas.