Seis mil jovens foliões desfilaram no Carnaval das Escolas do Barreiro com o mote da “Sustentabilidade Ambiental”

Seis mil jovens foliões desfilaram no Carnaval das Escolas do Barreiro com o mote da “Sustentabilidade Ambiental”

Muitos milhares de foliões – entre crianças e jovens, pessoal docente, não docente, pais e encarregados de educação, das redes pública, privada e solidária, desde o jardim-de-infância à Universidade da Terceira Idade – desfilaram, nas manhãs de quinta e sexta-feira, 20 e 21 de fevereiro, no Carnaval das Escolas do Barreiro 2020.

Para o presidente da Câmara Municipal do Barreiro (CMB), o balanço desta atividade, que mobiliza miúdos e graúdos, é “muito positivo”. Participaram “mais escolas”, num total de “cerca de seis mil alunos”. O Carnaval do Barreiro desdobrou-se em seis desfiles, distribuídos por várias artérias do Concelho. “O desfile é descentralizado para levar toda a esta gente para as ruas das freguesias com mais movimento, para junto do comércio local, para criar uma grande onda de dinamismo”, explicou Frederico Rosa.

“Estes meninos todos chamaram a atenção para o tema da sustentabilidade ambiental”, sublinhou, por seu turno, a vereadora da Educação. “Estamos a conseguir trabalhar com os mais novos um tema desta importância”, realçou, regozijando-se, Sara Ferreira. Vários membros dos executivos da CMB e das uniões/Junta testemunharam, nas ruas, a incontida animação, de crianças, jovens e adultos – sem exceção.

Viram-se fantasias de árvores, gotas de água e outros elementos da natureza – de criatividade sem limites. Viram-se, também, muitas mensagens de sensibilização, com dicas de como proteger/melhorar o planeta. Mais de quatro dezenas de estabelecimentos/instituições do Concelho participaram nesta que é, sem dúvida, uma tradição anual.