Seixal admitido à VI fase da Rede Europeia de Cidades Saudáveis

Seixal admitido à VI fase da Rede Europeia de Cidades Saudáveis

O Município do Seixal foi admitido à VI fase da Rede Europeia de Cidades Saudáveis da Organização Mundial de Saúde (OMS), que decorre até 2018.

O Seixal tem, desde 2002, a presidência e coordenação técnica da Rede Portuguesa de Municípios Saudáveis, entidade que foi admitida a esta fase VI em março.

Desde a sua fundação, em 1988, e ao longo dos seus 25 anos de experiência, os municípios saudáveis têm constituído uma plataforma de aprendizagem e cooperação entre as cidades europeias que trabalham em prol da saúde, bem-estar e equidade em saúde. O Seixal faz parte deste movimento desde 1998 e integrou as fases III, IV e V.

A cada ciclo são delineadas novas metas e áreas prioritárias de saúde de acordo com a diretrizes da OMS. Na VI fase as palavras-chave orientadoras são: redes comunitárias, planeamento e gestão em saúde, política de saúde, disparidades nos estados de saúde, cooperação internacional, equidade e saúde urbana.

A Rede das Redes Nacionais de Cidades Saudáveis enquadra as 30 redes nacionais existentes atualmente em toda a Europa, que envolvem mais de 1000 cidades e vilas. A Rede Portuguesa de Cidades Saudáveis integrou-a em junho de 2001.