Semana Europeia da Mobilidade: Portugueses apostam cada vez mais em veículos elétricos

Semana Europeia da Mobilidade: Portugueses apostam cada vez mais em veículos elétricos

A 17.ª Semana Europeia da Mobilidade decorre de 16 a 22 de setembro, sob o mote “Combina e Move-te”, que apela à utilização de diferentes meios de transporte na mesma viagem. Consciente da importância da sensibilização dos cidadãos para a utilização de meios mais sustentáveis, a Allianz adere à Semana Europeia da Mobilidade, reforçando a sua oferta de seguros para o segmento de carros eléctricos e híbridos.

Os condutores portugueses estão entre os maiores entusiastas deste tipo de viaturas: só no primeiro semestre deste ano, foram vendidos 1868 automóveis movidos exclusivamente com baterias elétricas, mais do dobro (156,2%) do que no período homólogo de 2017.

Para dar resposta a esta tendência de compra, a Allianz lançou recentemente o segmento Auto para Eléctricos & Híbridos, com um ajuste de tarifa em todos os seus pacotes e disponibilização de coberturas específicas para este tipo de veículos. A solução apresenta preços mais competitivos e todas as vantagens para as pessoas que possuam veículos mais sustentáveis, incluindo as condições base da Allianz, bem como assistência em viagem com reboque de viatura até ao posto de carregamento mais próximo, caso fique sem bateria, e seguro dos cabos. O cliente fica ainda protegido de furto ou roubo dos cabos elétricos, mesmo se estiver a carregar a viatura.

Seguro da Allianz para elétricos e híbridos eleito “Escolha Acertada” pela DECO

A oferta da Allianz para veículos elétricos e híbridos obteve as classificações de “Escolha acertada” e “Boa qualidade” num estudo efetuado pela DECO e publicado na edição de julho da revista da associação de defesa do consumidor. A DECO realizou o estudo através de dois clientes-mistério: um sem acidentes há cinco anos e outro com um acidente em 2017. Selecionou dois automóveis 100% elétricos, novos, entre os mais vendidos em Portugal: BMW i3 e Renault Zoe.

No caso do cliente-mistério que teve um acidente há um ano, a Allianz é considerada a “Escolha acertada”, tanto no caso do BMW (550,34 euros/ano) como no do Renault (411,46 euros/ano). Com 70 pontos, a Allianz obteve ainda a classificação de “Boa qualidade”, mediante critérios e abrangência da assistência em viagem e da satisfação dos clientes, com base no inquérito de satisfação realizado anualmente a utilizadores de todas as companhias.

O Grupo Allianz é um dos primeiros Grupos Seguradores a estabelecer metas climáticas de longo prazo, vinculadas ao objetivo de manter o aquecimento global abaixo dos 2 graus centígrados, presentes no Acordo Climático de Paris. Recorde-se que em maio deste ano, a Companhia anunciou que, até 2040, num processo gradual, excluirá os seguros de bens e propriedades e investimentos particulares associados ao carvão e a cobertura de seguro de tais riscos. Além disso, a Allianz propôs-se a reduzir a pegada de carbono das suas operações comerciais até esta data.

Até ao momento, a seguradora investiu mais de 5,6 mil milhões de euros em energias renováveis, construiu 81 parques eólicos e 7 parques solares na Europa e nos EUA. Só em 2017, a Allianz disponibilizou mais de 165 produtos com valor ecológico e social significativos, gerando cerca de 1,2 mil milhões de euros em receitas.