Sonae reduz consumo de energia e emissões de CO2 em 2016

Sonae reduz consumo de energia e emissões de CO2 em 2016

Categoria Advisor, Empresas

A Sonae prosseguiu com a melhoria da sua pegada ecológica durante o último ano, tendo registado um aumento da eficiência dos negócios, fruto da sua política de sustentabilidade. Em comunicado, a multinacional anuncia que o consumo de energia diminuiu 1% e as emissões de CO2 foram reduzidas em 13 pontos percentuais.

“O ambiente é um pilar da política de sustentabilidade da Sonae, pelo que procuramos ser eficientes e frugais em tudo o que fazemos, de forma a não desperdiçar recursos e maximizar o valor de cada projeto. Esta cultura tem contribuído para a melhoria contínua da nossa pegada ecológica, com importantes poupanças que são canalizadas para o desenvolvimento dos nossos negócios, beneficiando os colaboradores e clientes, mas também toda a comunidade”, salientou Catarina Oliveira Fernandes, diretora de Comunicação, Marca e Responsabilidade Corporativa da Sonae.

“A política de sustentabilidade da Sonae prevê, na área ambiental, um reforço permanente da eficiência através da criação e implementação das melhores práticas, suportadas na criatividade e na inovação, bem como de ações de sensibilização ambiental junto de colaboradores, parceiros e clientes. Nesse sentido, no último ano forma dinamizados vários projetos que permitiram importantes ganhos a nível ambiental, e que inclusive geraram poupanças a nível financeiro. Estes ganhos de eficiência permitiram recursos adicionais aos negócios para inovar, criando novos produtos e serviços e investindo em novos projetos de melhoria contínua a nível ambiental” refere ainda o comunicado.