Trevo diferencia-se pela atuação nas diferentes áreas da floresta, agricultura e ambiente

Trevo diferencia-se pela atuação nas diferentes áreas da floresta, agricultura e ambiente

Categoria Advisor, Empresas, Florestas

Nascida em 1986, a Trevo – Floresta, Agricultura e Ambiente assume-se como pioneira na consultoria e serviços para o setor agroflorestal. Mais de 35 anos depois, a empresa mantém os olhos postos no futuro. Focando-se atualmente  em disponibilizar ao mercado soluções úteis, inovadoras e diferenciadoras tais como a implementação de agro-silvo-pastorícia regenerativa e as requalificações ambientais e paisagísticas.

A requalificação paisagística faz parte de um leque de serviços que a empresa oferece ao mercado, garantindo, por exemplo, o desenho e implementação de sebes, bem como a requalificação de linhas de água. Quando em 2009/2010, temas como o carbono e a biomassa começaram a entrar no léxico nacional e político, a Trevo deu passos firmes na área da energia e do ambiente.

Nos últimos seis anos, a aposta assentou na diversificação da paisagem de culturas permanentes de regadio e com intervenções a nível de sebes e de recuperação de linhas de água, cujo objetivo é melhorar as drenagens dos terrenos e diminuir a evapotranspiração. A empresa tem-se focado na renaturalização, ajudando a selecionar qual o tipo de espécie que se pretende. Na prática, este trabalho traduz-se na replantação daquilo que são espécies endémicas das diferentes bacias hidrográficas e que ajuda a combater a principais pragas das culturas atraindo insetos auxiliares para a luta biológica.

Tudo isto se materializa, quando se integram as estratégias de sustentabilidade nos olivais, amendoais ou pomares e trabalhando numa vertente complementar, com estratégias viradas para a preservação do solo e diversificação vegetal e de paisagem, garantindo-se mais biodiversidade e persistência a pragas e doenças.

Os projetos de compensação ambiental de parques solares ou outros investimentos em infraestruturas também fazem também parte da atuação da Trevo com especial relevo para a azinheira, uma espécie “ameaçada” de muito pouco sucesso pela falta de rendimento florestal e com uma rentabilidade de muito longo prazo. No entanto, tem sido das principais apostas da empresa, que procura arranjar soluções para que a árvore tenha sucesso na sua implementação.

A Trevo também tem apostado na inovação, com ações como as culturas de cobertura de solo, aumento da diversidade de espécies e trabalhar o armazenamento de carbono no solo, além do trabalho da Trevo nos modelos de plantação de estrato arbóreo e arbustivo. O tema da utilização de regas deficitárias é também uma área de inovação, com a empresa a ter em marcha um projeto com reutilização de águas residuais.

O portfólio da Trevo inclui, para além da requalificação de linhas de água e instalação de sebes, a plantação e acompanhamento de pomares e de explorações florestais, plantação de florestas e requalificação de montados. Além do sector agro-florestal de sequeiro, o seu mercado inclui projetos de demostração cofinanciados através do Programa LIFE para além dos mais recentes fundos a investirem na produção de azeite ou que trabalham diretamente no turismo e na sustentabilidade.

Este artigo foi publicado na edição 93 da Ambiente Magazine

Conteúdo patrocinado